Emily is Away: namoro ou amizade?

















Game: Emily is away

Data de lançamento: 20 de novembro de 2015
Console: Microsoft Windows, Linux
Desenvolvedor: Kyle Seeley
Distribuidora: Kyle Seeley
Número de jogadores: 1
Número de capítulos: 5
Gênero: Visual novel
Sinopse: Lembre-se um tempo antes Facebook e Skype? Quando o Windows XP era a próxima grande empresa. Reviva a era com Emily is Away. Crie um screenname e procure informações neste bate-papo-bot. Explore o seu relacionamento com Emily, uma estudante do companheiro, em uma narrativa ramificação onde você escolhe o resultado. E o mais importante, mudar sua cor do texto para verde limão que as pessoas saibam que você é o garoto mais legal na escola.



Análise

Introdução

E aí jogadores(as) e leitores(as)? Tudo bom? Eu sou Éverton, e hoje venho trazer a análise sobre o game “Emily is away” (Emily está ausente). Um jogo simples que está conquistando jogadores por aí. 

O jogo surgido no ano de 2015, para Windows e Linux, já possui vários youtubers gamers que jogaram a pedido dos fãs. Então sem mais enrolação, vamos a análise do jogo.

Gameplay

A gameplay desse jogo é bem simples. O jogo é do gênero “Visual novel”, ou seja, é um game onde você o assiste, onde ele vai adaptando a história com as suas escolhas. Literalmente, é como se fosse uma novela, através de suas escolhas.

O “Visual novel” vem sido adotado em vários jogos. Por possuir sempre uma gameplay única de um jogador para outro, é o que faz muitas pessoas gostarem e não enjoarem do jogo. O rumo que um jogador tomou, poderá ser totalmente diferente de outra pessoa.



     
O visual do jogo é uma janela do famoso Windows XP. É como se fosse uma conversa do querido e famoso programa “MSN”. 

O jogador poderá escolher um ícone e então conversar com uma antiga colega de escola. Aparecerá uma frase escrita pela colega, e então três opções de respostas estarão disponíveis.

Ao selecionar a resposta para a frase de Emily (nome da colega), o jogador deverá digitar algo no teclado. Assim, parecendo como se fosse a pessoa que estiver jogando, estivesse conversando com a Emily.

Enredo

A história do jogo é separada em cinco capítulos. A cada capítulo é um novo ano que varia de 2002 a 2006. No primeiro capítulo, Emily e o jogador discutem sobre a formatura do famoso terceirão do ensino médio.


Ao avançar dos capítulos, é contado o que aconteceu depois da formatura. Que dependendo das escolhas da pessoa que estiver jogando responder a Emily, poderão ser boas ou ruins.

Conclusão

Emily is away é um jogo bacana e simples. Onde apesar de ser um joguinho curto, está conquistando pessoas por aí. 

Para as pessoas que não gostam muito de jogos violentos ou que exigem atenção, esse game é perfeito para você. Afinal, é um jogo calmo, onde somente, a história é o que interessa.

~Emily está ausente~