A Cidade Perdida

Título: A Cidade Perdida
Série: A Trilogia Kalixti
Volume: 1
Páginas: 321
Autor: Pedro Terrón
Ano: 2011
Editora: Primavera Editorial (cortesia da mesma)
Adicionem: Skoob
Comprem: Amazon
Sinopse: Em tempos remotos, um sábio criou sete misteriosas estrelas com propriedades surpreendentes. As peças brilhantes caíram nas mãos de uma mulher sem escrúpulos, o que gerou uma tragédia de enormes proporções e logo em seguida, levou ao desaparecimento das estrelas, sem que ficasse o menor rastro. Nos dias de hoje, Runy, um jovem espanhol, encontra uma das estrelas nas águas do Mediterrâneo. Por incrível que pareça, ele sonhou várias vezes com essa joia. A partir daí, envolve-se numa emocionante aventura que o conduzirá a uma época antiga, na qual poderá reviver uma vida passada repleta de fatos inusitados e conhecerá Dámeris, sua alma gêmea. Juntos, participam de um incrível projeto cujo desfecho é inimaginável. A história inacabada de antes deverá encontrar seu desfecho agora, no presente. Desvendar o mistério do passado pode afetar seu destino e o de toda a humanidade.





Oie pessoal! Tudo bem com vocês?

Hoje é dia de atualizar o blog então se preparem porque vai vir muita novidade e resenha legal para vocês! Começando com esse livro maravilhoso que recebi da Primavera Editorial! Espero que gostem da dica! =D

Não lembro se já citei ou não para vocês, mas sou muito fã de histórias relacionadas com Cidades Perdidas, desde filmes como Indiana Jones até como este livro.

Quando o solicitei eu estava crente que seria uma história parecida com o que encontramos nos filmes do Jones, mas eu não podia estar mais enganada! 

Neste livro conhecemos Runy (que por sinal esse apelido é composto pelas primeiras letras do seu nome) um jovem de vinte e poucos anos, que sempre corre atrás dos seus sonhos, mas por algum motivo nem sempre as ideias dele dão tão certo quanto ele gostaria.

Sua nova ideia e proposta de trabalho é comprar um velho submarino e reforma-lo para levar turistas a passeio no fundo do mar, a ideia parecia muito louca tanto para seus pais quanto para sua noiva, mas ele tinha a convicção de que daria certo o negócio, então todos o apoiaram! 

Ele consegue o dinheiro emprestado com seus pais e o banco, compra o submarino e o reforma, quando tudo estava pronto e apto para o primeiro passeio (teste), Runny embarca juntamente com seu melhor amigo e noiva para o fundo do mar, o que era para ser algo totalmente bem sucedido quase acaba em tragédia!

Mas também onde entra um personagem que é o ponto chave para a nossa aventura começar, ou melhor a do Runy, eles são salvos por um estranho, com mecanismo futurísticos e ainda por cima que aparece do nada!

Esse homem se chama Miros Tolsen, e tem a pequena mania de aparecer sempre quando Runy mais precisa, mas tem um bom motivo...

Runy após conhecer esse homem e achar um artefato perdido no mar, começa a entender um pouco melhor todos os seus sonhos, que com o tempo se mostram ser lembranças de uma vida passada.

Quando eu comecei a leitura desse livro, não fazia ideia para onde ele me levaria, qual o rumo a história tomaria, só estava feliz por realizar a leitura de uma obra espanhola.

Mas eis minha surpresa quando noto que a tal cidade perdida realmente existe, mas não é nem um pouco como imaginávamos e que Runy tem grandes responsabilidades pela frente, somente neste primeiro volume, pensem o que irá acontecer nos próximos!

Foi uma leitura muito boa sim, não posso negar. Entretanto não esperava encontrar em um livro que eu jurava ser fantasia com suspense, o assunto reencarnação e almas gêmeas.

Tirando a linguagem com que foi construído todo o enredo, sabe uma narrativa complicada, de frases complexas que de vez em quando você tem que ler e reler para entender o que o autor quer dizer? 

Pois é, é bem assim que esta obra é composta, mas não posso reclamar pois aprendi muita coisa realizando a leitura desse livro, conheci muitos outros autores que o autor faz referência na história, tirando que as cenas de ação nos deixavam frenéticos!

A leitura desse livro, foi por assim dizer construtiva, inovadora e que me tirou completamente da minha zona de conforto sem querer, mas que me deixou completamente ansiosa para a continuação!

O livro todo é muito bonito, desde a capa que combina completamente com a história até a diagramação dele, em algumas páginas encontramos algumas estrelas enfeitando as folhas.

E uma coisa interessante dessa obra é que ela tem somente sete capítulos, são bastante longos cada um deles, mas que se auto dividem para deixar a leitura mais rápida e confortável!  Foi algo que realmente me deixou surpresa e que gostei bastante! 

Enfim espero que tenham gostado da dica e que deem uma chance a história, não se assustem com a narrativa um pouco complicada, pois pela complexidade e criatividade do autor ao criar essa história vale muito a pena conferir ela!

Até a próxima,

Bjss, Nay =D

36 comentários:

  1. Ola
    Eu não conhecia essa obra, mas fiquei intrigada quanto ao enredo. Faz tempo que não leio uma obra dessa editora, e realmente gostaria de saber mais a respeito. Achei interessante essa abordagem sobre reencarnação e alma gêmea, além da inserção da fantasia em si.
    Beijos, F

    ResponderExcluir
  2. Adorei a resenha. Não conhecia o livro e só o título tinha me chamado muita atenção e depois de ler o post todo só quero esse livro, a única coisa que me desanimou é o fato dos capítulos serem grandes, mas vou procurar ler mesmo assim.

    Beijos,
    Garota Perdida nos Livros

    ResponderExcluir
  3. Oii, parece ser uma aventura e tanto hein. Não conhecia esse livro e fiquei curiosa para saber como tudo vai acontecer com o personagem. Parabéns pela resenha.

    beijos

    ResponderExcluir
  4. Sua resenha está maravilhosa, estou querendo ler esse livro, mas ainda tem alguns na frente rsrs

    Bjs
    Suka
    http://www.suka-p.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  5. Gostei da história, acho que seria um tipo de livro que eu amaria ler.
    Beijos
    Mari
    Pequenos Retalhos

    ResponderExcluir
  6. Nunca tinha visto esse livro, gostei de conhecê-lo por sua resenha, parece muito bom.

    Beijos Ariane
    Blog LivrosdaNane

    ResponderExcluir
  7. Olá
    Que sinopse interessante.
    Sua resenha está muito boa! Me interessei bastante pela obra.
    Não conhecia a autora.
    Bjs

    ResponderExcluir
  8. OI, "gostei" (entre aspas mesmo) da história. Não sei se leria, eu realmente penso duas vezes ao saber de capítulos muitos longos e isso, como todos ja sabem, deixa a leitura bem cansativa. :/. Sobre a linguagem, eu não vejo problema, acho que é um modo do leitor aprender outras palavras e até se interessar em procurar significados pra elas. Achei bem interessante esse fato de encarnação e tal, não imagino isso numa história fantástica. Não sei se leria, mas quem sabe, não é...

    ResponderExcluir
  9. Adorei sua resenha, apesar de não ser o tipo de leitura do meu cotidiano, fiquei bem curiosa pelo desenrolar da história...

    ResponderExcluir
  10. Só pelo nome e a capa já fiquei curiosa! kkkkk

    Adorei a resenha, muito obrigada pela recomendação!

    Beijos!!!

    ResponderExcluir
  11. Achei a capa do livro maravilhosa e só pela capa, eu arriscaria a leitura. Talvez a construção do enredo com frases complexas me intimidaria, mas vou considerar o aprendizado que você pontuou na resenha e espero poder ler o livro mais rápido possível.
    MEU AMOR PELOS LIVROS
    Beijos

    ResponderExcluir
  12. Oi!
    Esse livro parece realmente ser bem interessante, eu também adoro esse estilo de livros a lá indiana Jones, mas fiquei bem surpresa de saber pela sua resenha que ele tem um pouco de espiritimos no meio, deve ser uma aprendizado e tanto nas páginas

    ResponderExcluir
  13. Nunca tinha ouvido falar nesse livro, mas me interessei muito. Eu adoro esse tipo de livro, com cidades perdidas e fiquei ainda mais curiosa com essa coisa de submarino, pensei imediatamente em Atlântida. Vou colocar esse livro na minha wish list agora mesmo

    ResponderExcluir
  14. Olá! Achei legal a questão do nome do personagem principal, que é um apelido formado pela primeira letra dos seus nomes. Não curto tanto essas histórias de cidade perdida e cheia de aventuras, ainda mais com essa linguagem e narrativa complicadas que você citou. Mas achei legal você mencionar sobre a referência a outros autores!
    Beijos!
    Karla Samira
    http://pacoteliterario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  15. Olá, tudo bem? Eita que baita susto deve ter tido quando viu que não era nada do que esperava. Com esse título também esperava vir uma fantasia cheia de aventura, além que a capa também traz esse tema. Com certeza seria uma leitura bem fora da minha zona de conforto e por isso tenho que pensar sobre haha Adorei!
    Beijos,
    diariasleituras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  16. Oi. :)
    Nunca tinha ouvido falar desse livro, mas a premissa é bem curiosa.
    Adoro os filmes do Indiana Jones, então sei que se algum dia tiver a oportunidade de ler, vou adorar.
    Parabéns pela resenha, ficou ótima.
    Blog As Meninas Que Leem Livros - Lauri Brandão

    ResponderExcluir
  17. Oie, tudo bem?
    É bem bacana a idéia da narrativa do livro, porém não curto capítulos longos! Muuuito menos linguagem complexa, odeio ter que reler porque não entendi algo, isso me irrita, rs. Deixo passar a dica ^^

    ResponderExcluir
  18. Oi Naylane.

    Olhando a capa do livro realmente achei que era um livro de fantasia. Mas conhecendo as informações através da sua resenha, porque eu não conhecia o livro, eu deixar para pegar alguma dica de leitura, na próxima visita no seu blog.

    Bjos

    ResponderExcluir
  19. oi, é bom quando encontramos livros assim, meio inovadores e que nos tiram de nossa zona de conforto. Eu nunca tinha ouvido falar, mas não faz muito meu estilo toda essa coisa de cidade perdida, mas fiquei na torcida para que o próximo livro seja bacana como esse.

    ResponderExcluir
  20. Não conhecia o livro ou o autor. a capa é legal...

    A fantasia é um dos meus gêneros favoritos, leio quase tudo o que lança e já li bastante antigo. É legal o autor incluir um assnto como reencarnação em seu livro, espero que tenha utilizado desse artificio com maestria!

    Abraços!
    www.asmeninasqueleemlivros.com

    ResponderExcluir
  21. Olá,
    Não conhecia o título e confesso que por ele eu também acharia que encontraríamos um desenvolvimento no estilo de Jones mesmo, ainda mais com essa capa.
    Fico feliz que mesmo não sendo o que esperava, que tenha gostado da leitura. Confesso que fiquei pensativa em relação às frases complexas mas acho que também aprenderia muito com elas assim como você. Adorei a dica.

    LEITURA DESCONTROLADA

    ResponderExcluir
  22. Mais alguém que ama Indiana Jones, eu tô com os filmes pra fazer maratona e saber que tem livros ótimos com um conteúdo parecido me dá vontade de ler também.
    Este por sinal acabou me interessando, pelo que tu falou, apesar da escrita complexa vale a pena pelo conteúdo em si e a mistura de contextos que valeria a compra do primeiro volume.
    http://k-secretmagic.blogspot.com.br/
    Xoxo

    ResponderExcluir
  23. Oi Nay!

    Eu também sou apaixonada por histórias nessa pegada de Indiana Jones e já de cara me interessei pelo livro por causa do nome, imaginei mesmo que fosse ser alguma coisa linha, mas aí você me jogou um banho de água fria ao falar que não tem nada a ver.

    Bom, eu gosto da ideia de almas gêmeas e reencarnação (acredito nesse tipo de coisa), mas acho que tem que ser algo relevante e bem desenvolvido na história ou do contrário ela ficará insuportável e será só mais um romance bobo.

    A questão dos sete capítulos longos também me desanimou um pouco, eu fico muito impaciente com livros divididos assim não sei bem o porquê, mas realmente me incomoda.

    Estou muito dividida entre ler ou não o livro, então vou pensar direitinho na sua dica e ver se ele vai pra minha listinha ou não.

    Beijinhos - Jessie
    www.paraisoliterario.com

    ResponderExcluir
  24. Uma aventura e tanto está leitura, me lembra algumas coisas que li em relação a Atlântida.
    Gosto de desafios e para mim também seria sair da zona de conforto, uma vez que você mencionou a história falar de vidas passadas e alma gêmeas.
    Uma boa dica.

    Beijos.
    https://cabinedeleitura0.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  25. Oiee Nay ^^
    Eu ainda não conhecia o livro, mas essa coisa de almas gêmeas não é comigo...hehe' sem contar que não sou muito fã de narrativas complicadas e frases complexas, não gosto de ficar boaindo enquanto leio *-* Fico feliz em saber que você gostou do livro apesar de tudo, mas só sete capítulos? *-*
    MilkMilks ♥
    http://shakedepalavras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  26. Oi Nay!!!

    Eu imaginei pelo nome que fosse ser com essa pegada de Indiana Jones e fiquei me sentindo um pouco idiota por isso hahaha

    Bom, eu gosto dessas coisas de almas gêmeas desde que bem trabalhada, se for usar apenas para não desenvolver direito o romance dos protagonistas nem quero kk

    Essa questão de uma narrativa mais difícil e complexa até não me incomoda tanto se tiver um "motivo de ser". Por exemplo por causa da época em que o livro se passa ou algo assim, mas se for sem propósito acho uma perda de tempo total.

    Adorei saber que o autor faz referência a outros escritores, adoro conhecer novos autores assim, por causa de um livro.

    Beijos - Aninha
    www.paraisoliterario.com

    ResponderExcluir
  27. Oi Nay!

    Eu não conhecia o livro, mas também não me interessei muito. Apesar de gostar de Indiana Jones, normalmente não sou muito fã desse tipo de história.
    Mas a capa é realmente muito bonita!
    Porém, dessa vez passo a dica!
    Bjss

    http://umolhardeestrangeiro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  28. Oi.

    Que bom que você gostou bastante da história. Nunca tinha lido nada parecido com ele e o achei sua narrativa bem interessante. Estou em dúvida se o leio. Vou anotar o nome para conhecê-lo depois. Obrigada pela dica!

    Beijos.

    ResponderExcluir
  29. Oie, tudo bom?
    Adorei a resenha, só a capa que não me chamou muito a atenção. Daria uma chance pois adoro aventura e também iria me tirar da temida zona de conforto. Quero saber o que tem nessa cidade! Haha

    ResponderExcluir
  30. Também sou fã dos filmes do Indiana Jones e o titulo do livor me fez pensar automaticamente nele. A capa está linda e a forma como você descreveu o enredo me deixou muito curiosa. espero poder ler em breve.
    Meu Amor Pelos Livros
    Beijos

    ResponderExcluir
  31. Confesso que ri de seu relato, estava esperando uma aventura sobre cidades perdidas e encontrou reencarnação! Hahhaha ainda assim, a sua resenha me deixou bastante curiosa, se esperamos ansiosas por uma continuação é sinal que o livro foi excelente, e sinceramente, é maravilhoso quando saimos de nossa zona de conforto e somos surpreendidos.

    ResponderExcluir
  32. Acho legal quando um livro que nos tira da zona de conforto consegue uma positividade na leitura. Confesso que fiquei bem "bah!" quando vi que envolve reencarnação e coisas do tipo, não o postaria nunca nessa possibilidade, hahaha.
    Bjim!
    Tammy

    ResponderExcluir
  33. Olá, tudo bom?
    Estava curtindo muito a premissa do livro até saber que trazia temas de reencarnação e almas gêmeas! Confesso que deu uma desanimada viu! Não parece nada com o livro né? Pelo menos não de cara >< Outro ponto que me desanimou foram esses diálogos complexos que as vezes tinha que ler e reler para entender.
    Enfim! Apesar da premissa ser bem bacana, passo a sugestão da vez.
    Beijos!!

    ResponderExcluir
  34. Olá, Naylane

    Que legal que a cidade existe mesmo. Eu não fiquei interessada no enredo, infelizmente. Não curto muito fantasia, e mesmo com essas doses de suspense que você mencionou a história não chamou minha atenção.
    Que legal que, apesar das ressalvas, você conseguiu encontrar pontos positivos.

    Beijinhos

    ResponderExcluir
  35. Hey Nay, tudo bem?
    Ainda não conhecia esse título, mas achei muito bacana sua resenha e, como sou viciada no tema, esse livro é super indicado para mim. Agora, fiquei desanimada com a questão da forma como o livro parece ser escrito, isso me pareceu um ponto negativo, infelizmente :(
    Beijos

    ResponderExcluir
  36. Olá,

    Quando comecei a ler sua resenha fiquei curiosa para saber mais sobre o livro, porém não sou muito fã dessa coisa meio Indiana Jones, entretanto uma parte da história me intrigou e se a oportunidade surgir, com certeza irei lê-lo.

    Beijos,
    oculoselivrosblog.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir